Oradores

David Armano é actualmente vice-presidente sénior da divisão digital do Grupo Edelman onde aplica os seus conhecimentos nas áreas de Social Media, Marketing e Estratégia de Negócio para clientes tais como eBay, RIM e PepsiCo, para referir apenas alguns.

É tido como uma voz altamente influente na área de Social Media aplicada a negócios, contando com mais de 50.000 subscritores entre o seu blog (Logic + Emotion) e canal no Twitter. Logic + Emotion é frequentemente colocado no Top 20 dos blogs dedicados a temáticas de Marketing, de acordo com a Ad Age Power 150. Anteriormente à sua entrada na Edelman, David Armano fez parte da equipa de fundadores do Dachis Group, onde ajudou a comunicar  a visão de Social Business Design, ao mesmo tempo que desenvolveu trabalho estratégico para os clientes iniciais da empresa, incluindo a Intuit.

Previamente ao Dachis Group, David trabalhou no mundo das agências digitais durante mais de 10 anos – foi também um membro-chave da equipa Omnicom, um projecto onde as agências TBWA, Critical Mass e 180 reuniram esforços para conceber e conquistar a gestão digital global para a marca Adidas.

Escreve regularmente as suas perspectivas da indústria para a conceituada Harvard Business Review, e é reconhecido pela sua forma distinta de trabalhar o conceito de visual thinking, que pode ser encontrada na Internet e nas apresentações que realiza um pouco por todo o mundo. David estudou visual communications/computer graphics e licenciou-se no Pratt Institute onde teve a oportunidade de estudar sob a alçada de algumas das mais brilhantes mentes do mundo da comunicação digital.

Pedro Lobo licenciou-se em Engenharia Informática e de Computadores no IST – Instituto Superior Técnico, com enfoque no ramo de Informática Industrial. Em 1998, conclui uma pós-graduação em Gestão e Comercialização de Tecnologia e Inovação, organizado pelo IST e pelo IC2 – The Innovation, Creativity and Capital Institute at the University of Texas, frequentando, um ano depois, o programa InPME, um curso de Gestão de Empresas organizado pela AIP (Associação Industrial Portuguesa). A nível profissional Pedro Maia Lobo tornou-se Director do Departamento Multimédia na Junitec – Júnior Empresa do IST, ainda durante a licenciatura (1994/1995) tendo depois assumido a Presidência da júnior empresa no biénio 1995/1996. Em 1996, movido pelo espírito de empreendedorismo promovido na Junitec, fundou com colegas de licenciatura a Contraste, uma empresa de concepção e desenvolvimento de Soluções Multimédia e Internet.

Mais recentemente, em 2000, fundou a Innovagency uma empresa com um posicionamento mais alargado que incorpora competências de Consultoria, Tecnologia e Comunicação Interactiva e que conta com relevantes clientes no domínio público e privado entre os quais se podem destacar a AICEP, o Turismo de Portugal, a Brisa, a Vodafone, o BCP, a Região de Turismo do Algarve, a Galp, a REN, a Parque Expo, entre muitos outros, ocupando o cargo de administrador com funções executivas para a área de Business Development.

Francisco Ramos Chaves, licenciado em Engenharia de Sistemas e Computadores pelo IST, Lisboa, e com pós-graduação em Gestão na Universidade Católica, é actualmente o responsável pela área de negócio da Mobilidade na Microsoft Portugal.

Anteriormente desempenhou diversas funções Comerciais e de Marketing na Siebel Systems, Hewlett-Packard, Digital Equipment Corporation, Siemens Nixdorf, Siemens, Novabase, NCR e Burroughs.


Isabel Capacho é Directora de Marketing & Vendas da YDreams. Licenciada em Gestão, possui também uma pós-graduação em Marketing  pela Universidade Católica.  Antes de  fazer parte da YDreams, Isabel foi Directora de Marketing do Grupo  Auchan, assim como membro do seu conselho executivo.

Anteriormente à  sua passagem pelo Grupo Auchan, trabalhou também em empresas como a Lusomundo Audiovisuais, Grupo  Pinault-Printemps-Redoute e EXPO’98.


Ana Margarida Santos é licenciada em Marketing pelo Instituto Superior de Línguas e Administração de Lisboa – ISLA. Exerce actualmente funções na Direcção de Publicidade da Direcção de Marketing, coordenando a equipa de Marketing Digital & New Media da marca Continente e Modelo, tendo já assumido anteriormente assumiu  funções de Brand Activation e de Advertising Manager da marca Continente. Em 2001 ingressou na Direcção de Comunicação de Folhetos da Sonae Comércio e Serviços com a função de desenvolvimento, acompanhamento e produção de Folhetos, para as insígnias Continente, Modelo, Modelo Bonjour, Sport Zone, Max Office e Worten, transitando posteriormente para a Direcção de Comunicação de Loja da Direcção de Marketing da Sonae Comércio e Serviços com a função de desenvolvimento, acompanhamento e implementação das campanhas de decoração de loja. Em 2004 passa a integrar a Direcção de Comunicação Loja da Direcção de Marketing da Modelo Continente Hipermercados, assume a função de Coordenadora  da Área de Contacto da Comunicação Loja.

Gonçalo Quadros foi um dos fundadores e é actualmente Presidente do Conselho de Administração da Critical Software SA, sediada em Coimbra, com escritórios em Lisboa, Porto, San Jose (Califórnia, EUA), Southampton (UK) e Bucareste (RO). Licenciou-se em 1987 em Engenharia Electrotécnica (ramo de Informática) e trabalhou na indústria e em I&D antes de obter o grau de Doutor (em Informática e Redes de Computadores) na Universidade de Coimbra em 2002. Em meados de 1998, e enquanto fundador da Critical Software, foi distinguido com prémio do melhor plano de negócio atribuído pela Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE). Foi também o responsável pelo lançamento e consolidação de duas das Unidades de Negócio da empresa – Telecommunications and Networking e Enterprise Solutions – tendo assumido responsabilidades de gestão de tais unidades e dos seus negócios. No inicío de 2005 assumiu a presidência do Conselho de Administração da Critical Software. Durante 2006 foi distinguido pelo Presidente da República de Portugal com a Ordem de Mérito Grande-Oficial. Recebeu depois o prémio INSEAD Entrepreneurship Award (promovido pelo antigos alunos Portugueses do INSEAD), e ainda o Emerging Entrepreneur of the Year Award promovido pela Ernst&Young (delegação Portuguesa).

António Murta é licenciado em Engenharia de Sistemas pela Universidade do Minho e detentor de um MBA pelo ISEE (Universidade do Porto), AMP pelo INSEAD. De 1991 a 1997 exerceu funções de Director de Sistemas de Informação da Sonae Distribuição. Foi fundador da Enabler, empresa integradora de sistemas de informação focada em retalho, e da Mobicomp, empresa especialista de Soluções Móveis. Foi VP da Wipro Retail após a compra da Enabler pela Wipro. Actualmente é Managing Director da Pathena, sociedade de investimentos em “ventures” da qual é fundador. Exerceu actividade docente a nível universitário em diversos cursos de Engenharia da Universidade do Minho, na Universidade do Porto (Faculdade de Economia e EGP) e no IST. Colabora igualmente com a Cotec, mormente no âmbito do Centro de Excelência de Desmaterialização das Transacções. É membro do Conselho Geral da Universidade do Minho.

Fernando Baptista é licenciado em Engenharia de Sistemas e Computadores pelo Instituto Superior Técnico da Universidade Técnica de Lisboa, pós-graduado em Gestão de Projecto pelo Henley College (Reino Unido) e  possui um MBA pela Faculdade de Economia da Universidade Nova de Lisboa. A nível profissional exerceu funções de direcção em diversas empresas multinacionais no domínio dos sistemas de informações, nomeadamente na Digital Equipment Corporation, Informix Software e Siebel Systems, onde desenvolveu projectos para entidades como a Sociedade Interbancária de Serviços (SIBS), a Unicre, a Shell Portuguesa ou a Telecel. Em 1998, foi fundador de uma empresa nacional pioneira na implementação de sistemas de CRM (Customer Relationship Management), entidade que esteve na origem da Celfocus, uma joint-venture Novabase/Vodafone Portugal e que se dedica, desde o ano 2000, à implementação de soluções de CRM para operadores de telecomunicações móveis estrangeiros.

É Vice President International Business Development da Celfocus, responsável pela expansão global da empresa que abarca já projectos em múltiplos continentes/países: África do Sul, Bélgica, Brasil, Dubai, Egipto, Holanda, Israel, Japão, Nova Zelândia, Quénia, Reino Unido ou Roménia. Colabora actualmente com a Mobi.E, entidade nacional que irá gerir a infra-estrutura de carregamento do futuro carro eléctrico, no sentido de explorar oportunidades de negócio internacional, potenciando os desenvolvimentos tecnológicos nacionais.




%d bloggers like this: